O que fazer no Dia dos Namorados (gringo – Valentine’s Day edition)

O que fazer em um dia dos namorados (gringo)

Feliz dia dos namorados gringo (Valentine’s Day!) (o nosso é só em junho)

Arte por Shigeru Arsw

Hoje é 14 de fevereiro e, se tem uma tradição tão antiga quanto esse blog, é falar de Valentine’s Day. Em geral, todo ano se comenta sobre a tradição (de marketing) japonesa de se dar chocolates de presente nesse dia.

Só que o Valentine’s Day não é limitado a isso. Assim como no nosso dia dos namorados regular (em 12 de junho), o pessoal de outros países aproveita esse dia fazendo coisinhas que casais de namorados costuma fazer…

AVISO: Bastante imagens animadas abaixo.

Sair pra passear, por exemplo. Parques, eventos, shoppings e afins.

Ou ir em algum tipo de encontro mais caro, como ir em um restaurante chique.

Às vezes nem precisa ir muito longe. Podem ficar em casa, assistindo filmes ou séries juntos.

Em geral, o que importa é ficar juntinho.

Aí você, que está sozinho e carente, pode começar a reclamar por essa postagem só ter fotos de casais apaixonados, mas que tal aproveitar a data e o romance no ar para se declarar?

Qualquer coisa, sempre tem a última opção: Depois de trabalhar o dia todo, escrever uma postagem sobre namorados mesmo não namorando (só para mostrar que se importa com quem lê seu blog, awwwn).

cslclaman

Nota de direitos autorais: Anime representado no primeiro e no último gifs é o mesmo: Kobayashi-san chi no Maid Dragon. O restante dos gifs foi obtido pelo Giphy e é só.

(tem mais coisa ainda…)

Continue Lendo “O que fazer no Dia dos Namorados (gringo – Valentine’s Day edition)”

Algumas verdades da vida #5

Ano sabático.

Rico tira ano sabático para viajar e relaxar do cotidiano estressante. Pobre aproveita o fim de semana no churrasco na laje do vizinho ou desce pra praia no feriado para descansar. Universitário fazendo estágio abandona o blog pra conseguir se formar decentemente e dormir pelo menos cinco horas por dia.

Liberdade! Só que não!

cslclaman

P.S.1: O universitário estagiário era eu. Até ano passado. Agora sou desenvolvedor Java que concluiu a faculdade.

P.S.2: Falei “descer” pra praia porque moro em uma cidade no interior de São Paulo, de onde ir para a praia implica em descer a serra.

P.S.3:

Cada vez que alguém entrava nesse blog durante o ano passado e ficava perguntando se algum dia voltaria a ter postagens. Anime: Saekano (AnimeRelacionado 7½, 2ª temporada).

P.S.4: Postagem sobre Valentine’s Day no dia 14 à noite.

O que são 8 anos

Ressuscitando um blog inútil.

Segundo um site de perfil de comportamento conforme a idade, uma criança de 8 anos é tão animada quanto uma de 4, porém mais madura (boa parte já sabe ler e escrever e interage melhor com o mundo à sua volta).

8 anos para um ônibus urbano significa que você já vai chamar esse ônibus de velho – vidros manchados, bancos riscados e gastos, talvez goteiras e um tanto de barulho demais.

8 anos para um presidente, governador ou prefeito significa que ele conseguiu a proeza de ser reeleito uma vez e agora vai ter que deixar seu governo para outro.

8 anos é o tempo de vida de coelhos, andorinhas e gralhas. Mais que isso é sorte.

8 anos para um programa ou sistema empresarial, como um site de banco ou afins, significa que ele já é chamado de legado e é um sistema difícil de manter e de melhorar – provavelmente já se está pensando em um novo sistema para substituí-lo.

8 anos para um blog inútil que passou um ano sem postagens é tão inútil quanto esses dados que passei acima. Mesmo assim, são 8 anos, 37.261 visualizações em 2018 (cerca de 100 por dia)(mesmo com míseras 8 postagens durante o ano inteiro) e nenhuma perspectiva de envelhecimento. Afinal, passam-se os anos, passam-se as tecnologias, ninguém mais lê blog quando se tem montes de canais no YouTube pra tudo, mas sempre vai ter algo inútil pra se falar por aí. Algo que acabe fazendo a gente se distrair e talvez rir um pouco, principalmente em um começo de ano que não teve muita notícia boa…

8 anos de Utilis Inutilis. Ainda está aqui e, se tudo der certo, vai ter postagem semana que vem \o/

cslclaman

P.S.: Para fazer postagem em blog, estou tão enferrujado que anda complicado. A Retrospectiva Anual do Utilis Inutilis referente ao ano de 2018 ainda não saiu e, fora isso, estamos sem agenda de postagens (de novo).

P.S.2: Ainda se lembram de mim?

Retrospectiva de 2018

Tradições não morrem tão fácil. Por isso aqui estamos nós, ressuscitando nesse último dia de 2018.

Só pra falar que a Retrospectiva de 2018 só vai sair em 2019, afinal em 5 minutos não sairá nada de útil.

2018: 100% achieved

De qualquer forma, feliz ano novo.

cslclaman

P.S.: Eu ia fazer uma retrospectiva bacana (acreditem se quiserem), mas não tive tempo…

Anúncio de um suposto colapso brasileiro

Será o apocalipse? Será que vamos ter outro impeachment? Aliás, já abasteceu seu carro hoje?

Achou que esse blog estava morto? Não ainda!

Enfim. Veja a cena: pessoas desesperadas, notícias alarmantes em todo lugar, filas de carros nas estradas e sinais de que tudo o que conhecemos hoje pode parar a qualquer minuto.

THE WORLD IS DOOMED

Isso seria o fim do mundo? Um meteoro se aproxima da Terra? Ou estamos no meio de uma invasão alienígena? Ou zumbis estão atacando qualquer ser vivo que apareça e extinguindo a humanidade?

Nada disso. É apenas o combustível que está acabando nos postos.

Só assim para um posto de combustível de bairro ficar cheio. Foto por: eu mesmo.

O desespero é justificável: caminhoneiros estão parados nas estradas, em greve contra o aumento do valor dos combustíveis. Caminhões parados não entregam produtos, e entre os produtos não entregues estão os combustíveis (gasolina, etanol, diesel, querosene de aviões, carvão, lenha, papel…). Se combustível não chega até os postos, então logo acaba o combustível e ninguém mais anda (de carro, ônibus e outros meios de transporte que dependem desses combustíveis).

PARA TUDO!

Será o caos se aproximando? Será que o Brasil ganha a copa? Será que esse blog volta a ter postagens regulares? Será que lá fora Temeremos pelo futuro? Será que o Brasil voltou (,) vinte anos em dois? Eu não faço ideia dessas respostas mas, por enquanto, vamos finalizar com essa música:

ClaMAN

P.S.: Se todo mundo tivesse carro elétrico ou bicicleta ou simplesmente não tivesse medo de andar a pé, esse problema não seria um problema tão grave.

P.S.2: Eu só ia fazer postagem por aqui no dia 2 de junho, mas tive que publicar alguma coisa sobre isso. Não pude evitar.

Beijos de um morto-vivo

Dia do beijo + Sexta-feira 13.

Dokuro-chan

Hoje é (ou foi) 13 de abril, dia do beijo (o primeiro do ano) e também, por acaso do destino, uma sexta-feira. Lógico que, mesmo depois de dois meses de desaparecimento recesso, eu não podia perder a chance de postar em um dia tão especial, não é? Afinal, em que outro dia de que outro ano eu poderia juntar beijos apaixonados e cenas sangrentas, azaradas e assustadoras?

 Yume Nikki. Arte por Marimo Shounen.

Hoje é (ou foi) um dia péssimo para quem tem triscaidefobia, é um dia de sorte ou de festa para alguns lugares, é um dia comum para outros países que não ligam para essa coisa de sexta-feira 13 (por exemplo, no Japão as pessoas não gostam do número 4, enquanto que o número 13 é normal pra eles). Por fim, hoje é (ou foi) um dia de muita pegação paixão para você que se encaixa em um desses casos:

Caso 1: Você namora um ser que morreu mas, ao mesmo tempo, está vivo.
Caso dois: você namora uma pessoa que suga seu sangue ou é de outra espécie sobrenatural.

Outros casos foram cortados para que essa postagem fosse publicada no dia certo.

cslclaman

P.S.: Ainda não estamos de volta oficialmente.