E então eu resolvi assistir/jogar School Days…

O dia em que o ClaMAN terminou de assistir School Days.

Anúncios

alguns, ou melhor muitos dias quase um mês eu publiquei uma postagem que falava de visual novels. Porém, o objetivo não era só explicar o que são e como são, mas sim preparar vocês para isso:

School Days - Parece (e é) anime de romance baseado em visual novel
School Days – Parece (e é) anime de romance baseado em visual novel

Como raios eu fui assistir/jogar isso: Além de ser popular (no Japão e em redutos de fãs), eu achei uma das personagens muito fofa cute kawaii (a de laço rosa embaixo das letras “oo” da palavra “School”). Assisti o primeiro episódio do anime, achei a ideia minimamente interessante e então joguei a visual novel. Depois, assisti os demais episódios do anime.

Até onde eu assisti isso: Concluído (são 12 episódios).

Até onde eu joguei isso: Apenas uma rota, alcancei um dos 21 finais possíveis (vocês acham que é fácil lidar com mais de 130 escolhas?)

Pretendo continuar jogando: Talvez mais uma rota quando não tiver nada melhor para fazer.

Na escola, três pessoas se encontram. A relação entre elas mudou com a estação e se transformou em três diferentes histórias de amor.

vlcsnap-2015-03-27-23h32m57s183Você sabia? Do encantamento do celular? Se você mantiver a foto da pessoa que você gosta no seu celular e se ninguém descobrir em três semanas, seu amor se tornará realidade!

vlcsnap-2015-03-27-23h27m44s131Itou Makoto começa a ficar interessado em Katsura Kotonoha a partir do momento em que descobre que pegam o mesmo trem para ir para a escola. Para animar o próprio dia, ele tira uma foto dela. vlcsnap-2015-03-27-23h49m10s189Nisso, Saionji Sekai, colega de classe e companheira de carteira de Makoto, descobre sobre a foto (no mesmo dia) e diz que vai ajudar a uni-los… E é aí que começam os eventos.

  • Temos um protagonista que não conhece limites a partir do momento em que está ganhando.
  • Temos um casal principal que tem graves falhas de comunicação.
  • Temos um enredo muito problemático mesmo.

Captura de tela 2015-02-24 00.20.16Como visual novel, é um pouco diferente: ao invés de imagens estáticas e um protagonista que não se vê, vemos um anime em episódios e, como toda visual novel, escolhas.

vlcsnap-2015-03-27-23h34m55s80Se essas escolhas ajudassem no ponto mais problemático de toda a história (que é justamente a atitude do protagonista), talvez tivéssemos um enredo menos pior. Basicamente, só por ganhar uma namorada, ele se vê no direito de fazer tudo com ela.

wp_ss_20150324_0030Como grande parte das histórias de romance, temos um triângulo amoroso. E aí está o detalhe: se a “namorada” do protagonista não quer andar tão depressa no relacionamento quanto ele, então a “melhor amiga” pode se aproveitar disso e dizer que é “treino” para quando chegar a hora.
wp_ss_20150325_0036E, como eu disse lá em cima… O protagonista não conhece limites a partir do momento em que está ganhando.

wp_ss_20150325_0008É uma história onde os conflitos se dão por falta de comunicação (e, vejam só, num lugar onde todos tem celular e vivem mandando mensagens!). O casal principal não conversa entre si. Cada pessoa fala uma coisa que lhe beneficie. E o protagonista não sabe negar uma afirmação falsa e nem tem atitude para evitar alguns eventos.

wp_ss_20150325_0048No Japão, tanto histórias shoujo de romance quanto visual novels tem públicos-alvo bem definidos. Romances (a maioria) são para adolescentes inseguras, e visual novels (grande parte) são para homens antissociais. wp_ss_20150325_0064Porém, School Days não é bem um romance, tampouco uma visual novel comum. Não é para você curtir o primeiro beijo do casal principal e nem para ver as histórias de vida (em geral comoventes) das heroínas (em animes baseados em visual novels, isso é comum).

wp_ss_20150326_0004School Days é para você ver como as pessoas criam problemas por causa de uma única coisa: sexo. E nisso, vem toda uma parte de interesses egoístas e enganações. Se não for essa a mensagem dessa história, vou me arrepender de ter gastado 6 horas assistindo esse anime, enquanto poderia estar vendo Hanamonogatari ou outro anime qualquer.

wp_ss_20150326_0049Nota pelo enredo: 4
Nota pelos conflitos: 3
Nota do protagonista idiota: -6
Nota das cenas “provocantes”: 2 (na visual novel, é conteúdo +18 mesmo. Nota: 3,5)
Nota do episódio final: 7,75 (visual novel: 5)
Nota geral: 5,25 (e olhe lá.)

ClaMAN

Outros da série E então eu resolvi…

P.S.1: Eu tinha parado de assistir o anime no episódio 4. Porém, como queria xingar postar alguma coisa para essa série, vi os 8 episódios restantes pelo celular, dentro de um ônibus ou outro.

P.S.2: Ah, saibam que o final (do anime) vale um pouco a pena. Dica: tem sangue. Spoiler:

wp_ss_20150326_0048P.S.3: AnimeRelacionado 7: Monogatari Series. Não sei quando sairá, mas sei que será publicado algum dia.
(Ah, e o 6, ClaMAN? Será Angel Beats!)

B Ô N U S :

Aí a pessoa inocente (eu (ClaMAN)) vê essa imagem e acha que a série vai ser legal, vai ter yuri, etc...
Aí a pessoa inocente (eu (ClaMAN)) vê essa imagem e acha que a série vai ser legal, vai ter yuri, etc… Porém, depois de ver tudo, recebe algo aquém do esperado: mistura de slice of life parado com harém malfeito e um protagonista passivo (clique na imagem pra ver o pior).

Anúncio de mais coisa inútil (e chata) do ClaMAN

Anunciando mais uma série nova. E chata.

tag_desimageadaAdianta dizer que não temos tempo nem inspiração para postar todo dia? Não. Já que vocês gostam de post novo, aqui vai uma SÉRIE nova…

Eu costumo conversar bastante sobre séries, principalmente animes (JURA! NEM TINHA NOTADO!). Porém, vocês sabem que meus gostos para animes são estranhos, então quando alguém fala “você já viu [insira um anime popular aqui]?”, eu respondo com “já ouvi falar, mas não vi”.

CHEGA DE RESPOSTAS GENÉRICAS, ClaMAN! Estamos em 2015, e isso não tem nada a ver com o post!

Por isso, estou lançando a sérieE então eu resolvi assistir…“, onde eu vou assistir alguma série que me recomendaram há muitos anos e não vi, ou reassistir alguma que faz muito tempo que vi. E pode ser qualquer coisa, desde anime shoujo (¬¬’) a musical irlandês (¬¬’ ²).

Pretendo fazer postagem a cada duas semanas, no mínimo. Se tudo correr bem, até terça sai uma.

MAS TERÇA É AMANHÃ, ClaMAN!

Eu sei! Por isso, já preparei alguma coisa! Deixa eu ver… Estavam aqui nos rascunhos… Pois é, perdi.

Ah, eu falo sobre alguma coisa e vocês reclamam. Pode ser? Pode? Então tá.

ClaMAN

P.S.: Acreditem ou não, isso é sério.

P.S.2: Anime shoujo:  São aqueles animes de romance melodramáticos em que, para o casal principal começar a andar de mãos dadas, leva 5 episódios. Para beijar, leva 15. Para admitir que se amam, 30. Levando em conta que o anime só tem 12 episódios…

¬¬’

Dia do trabalho…

…no qual ninguém trabalha.

Pra começar, hoje é feriado, um dia em que tudo quanto é loja fecha e o ônibus passa de hora em hora.

Hoje também é aquele dia em que seu pai vai ficar sentado no sofá assistindo TV [ou mudando de canal] o dia inteiro.

Afinal, hoje é o Dia do Trabalho.

E eu vou aproveitar o feriado para assistir animes. Pretendo fazer umas reviews quando der vontade estiver inspirado.

claman

P.S: Infelizmente, o feriadão acaba hoje. *todos choram* *para nossa desalegria*

Geen

Novo avatar de twitter animado do ClaMAN e seu sentido.

Geen_2
Geen ¬¬’

Aquela imagem ali em cima é a Geen.

COMO SE PRONUNCIA Geen: Giin

PORQUÊ Geen: Geen = Gota escorridente entediante ©

A ORIGEM DO NOME Gota escorridente entediante ©: um colega qualquer* viu a imagem (que se chamava apenas imagem2_0.gif) e chamou-a de Gota escorridente entediante ©. Depois eu apenas abreviei para Geen. Simpático, não?

A ORIGEM DA imagem2_0.gif, ou Geen a partir de agora: Eu estava entediado e resolvi fazer um desenhinho no paint. Desenhei o ¬¬’ tradicional de meu twitter e salvei como imagem.png. Outro dia eu estava entediado e de mau humor, então eu pintei a imagem.png de preto e salvei como imagem2.png. E eu achei um site de fazer gifs e no final criei a imagem2_0.gif (para isso precisei de 8 png’s.).

imagem.png / imagem2.png
imagem.png / imagem2.png

ClaMAN ¬¬’

P.S.1: A Geen é interessante, não?

P.S.2: Direitos de criação do nome Gota escorridente entediante © reservados a xSmoKe66.

P.S.3: Eu criei a imagem e o respectivo nome (claro, o ¬¬’ já existia, mas não verde, grande e mexente).

P.S.4: Indico no Twitter: @xSmoKe66 << follow this

P.S.5: Acho que já está bom de P.S.’s.