Alfabeto Baiano

Hoje trago a vocês mais uma postagem muito útil da sessão: Antiguidades                             Falando sobre: Alfabeto Baiano

 [Vai ser uma  porcaria de post]

Bem, Isso foi o que meu #Vô Aprendeu na Bahia em 1953. Durante o seu 1 mês de escola (Nesse 1 mês ele aprendeu a ler, escrever e calcular, coisa que em nossas escolas demora 3 anos…)

O abecedário é o mesmo, a mudança é a fonética.

A – Bê – Cê – Dê – ÉGuê – Agá – I – JiMeNe – O – Pê – Quê – – Tê – U – Vê – Xis – Pissilone –  Zê

Lembrete: K, W e Y  só entraram no alfabeto brasileiro em 1990. Mas no Baiano já tinha o Y [ Não sei porque pra colocar o nome do filho de Uoshynton ]

Na dúvida, ouça essa musica:

Todos sabem o quanto Baiano é preguiçoso né, Então, o ABC deles foi montado sobre as palavras que eles falavam.

Exemplo: RD ( ReDe -Coisa boa pra se descansar) O R já tá incluido com o E poupando a necessidades de colocar mais letras. Escrever um tweet bilhete com esse ABC ficava bem mais fácil, hein!

Entendeu? Então tente desvendar: G ___________

Isso foi um dos primeiros exercícios que meu Vô fez na escola.  E vai ser a próxima matéria a cair no vestibular.

Bem, a resposta é que aquilo é: GaLinha

Historinha: Meu Vô e muitos Baianos chamavam esse liiindo caminhão de Feneme.

Feneme

Ele só foi descobrir o nome real desse caminhão em 19/06/73 quando começou a trabalhar na ZF do Brasil ₢ .

“Então, a ZF Tambem fabrica peças pro caminhão FNM…”  – Disse o Instrutor, enquanto explicava sobre a ZF para os novos funcionários.

FNM

Gostou? Conseguiu ler até o final sem ficar cego?

Então é com grande prazer’ que encerro esse post. [Fim]

Darmstádtio.

A palavra ‘alfabeto’ vem do grego Alpha (primeira letra do alfabeto grego) e Beta (segunda letra)  INFORMAÇÕES INÚTEIS