O que fazer no Dia dos Namorados (gringo – Valentine’s Day edition)

O que fazer em um dia dos namorados (gringo)

Feliz dia dos namorados gringo (Valentine’s Day!) (o nosso é só em junho)

Arte por Shigeru Arsw

Hoje é 14 de fevereiro e, se tem uma tradição tão antiga quanto esse blog, é falar de Valentine’s Day. Em geral, todo ano se comenta sobre a tradição (de marketing) japonesa de se dar chocolates de presente nesse dia.

Só que o Valentine’s Day não é limitado a isso. Assim como no nosso dia dos namorados regular (em 12 de junho), o pessoal de outros países aproveita esse dia fazendo coisinhas que casais de namorados costuma fazer…

AVISO: Bastante imagens animadas abaixo.

Sair pra passear, por exemplo. Parques, eventos, shoppings e afins.

Ou ir em algum tipo de encontro mais caro, como ir em um restaurante chique.

Às vezes nem precisa ir muito longe. Podem ficar em casa, assistindo filmes ou séries juntos.

Em geral, o que importa é ficar juntinho.

Aí você, que está sozinho e carente, pode começar a reclamar por essa postagem só ter fotos de casais apaixonados, mas que tal aproveitar a data e o romance no ar para se declarar?

Qualquer coisa, sempre tem a última opção: Depois de trabalhar o dia todo, escrever uma postagem sobre namorados mesmo não namorando (só para mostrar que se importa com quem lê seu blog, awwwn).

cslclaman

Nota de direitos autorais: Anime representado no primeiro e no último gifs é o mesmo: Kobayashi-san chi no Maid Dragon. O restante dos gifs foi obtido pelo Giphy e é só.

(tem mais coisa ainda…)

Continue Lendo “O que fazer no Dia dos Namorados (gringo – Valentine’s Day edition)”

Casais enamorados

Dia dos namorados para todos os tipos de casais

Nota: Depois de uma postagem de trollagem e outra de auto propaganda, essa é a postagem realmente voltada a casais de namorados apaixonados.

AVISO: Apenas imagens de animes daqui para baixo.


Feliz dia dos namorados!

Para aqueles que ainda não perceberam (ou não assumiram), mas poderiam ser um casal

Para casais que já estavam ligados antes mesmo de se conhecerem (esse é pra quem acredita em destino)

Para casais que acabaram juntos por trocas e acasos repentinos

Para casais que transformaram uma rivalidade num interesse em comum

Para casais que, mesmo com as diferenças/estranhezas, se ajudam e, mesmo com seus problemas, ajudam a outros

Para casais que encontraram uns nos outros o afeto, o consolo e a paixão que desejavam

Para casais em uma relação mais virtual que física, mas que mostra que distância não importa para quem tem tecnologia e amor no coração

Para casais que percebem que, depois de tanta coisa que passaram juntos, não dá mais para viver distantes.

Essa postagem é para os casais, simplesmente.


ClaMAN

P.S.1: Sete fanarts de animes animes selecionados para vocês. Adivinhem todos e ganhem um brinde (só clique na imagem para ver a origem depois que adivinharem, tá?).

P.S.1a: Dicas: Um é josei, um é shoujo. Um é filme, o outro é modinha. Tem um que eu já citei mais de uma vez no blog (por enquanto, é o anime do ano de 2017 na minha opinião). Outros quatro também já foram citados em postagens passadas. Todos são imagens de casais oficiais (exceto o primeiro), ou seja, praticamente assumiram namoro. O último é Toradora mesmo, como eu já tinha avisado e como vocês já conhecem (fanart nova, só não sei por quê estão chorando).

P.S.2: Eu faço esforços por vocês (como, por exemplo, percorrer o Danbooru e encontrar montes de fanarts +18). Então, mostrem que apreciam o esforço pelo menos lendo essa postagem. Obrigado.

P.S.3: Ia colocar yuri (para representar casais LBGT), mas o casal que eu queria pegar (Hanabi x Sanae (Kuzu no Honkai)) não é bem um casal na série, então vou ficar devendo (aguardem ano que vem).

B Ô N U S :

Para os “casais” que conseguem conviver com o fato de uma das pessoas na relação não existir no mundo 3D

Não importa se não é 3D, no meu coração eu amo aquela pessoa (ou melhor, personagem)! Tem algo contra?

E tem mais:

Continue Lendo “Casais enamorados”

Anúncios certos para a pessoa errada

Quando começam a mandar anúncios de presentes caros para o dia dos namorados… Para pessoas solteiras e sem grana.

Está certo que é normal saber que o dono da conta pertencente a um email ou rede social é jovem e curte leitura, mas em nenhum lugar eu lembro de ter respondido sobre meu status de relacionamento (que, aliás, é solteiro a não ser que waifus contem como namoradas).

Aí vem emails, anúncios e outras coisas (leia-se: spam) só falando do dia dos namorados, declare seu amor, romance, paixão e tals.

Vocês não acham que estão sendo insensíveis com as pessoas solteiras mandando esse tipo de conteúdo? Não percebem que podem estar magoando a esse tipo de pessoa, ferindo corações talvez já cheios de cicatrizes com amores passados e relacionamentos problemáticos?

Como se já não bastasse, ainda falam para eu comprar presentes como: celulares, notebooks, tablets… Se eu tivesse dinheiro para isso, comprava para mim mesmo (amor próprio é tudo, não é?). E, supondo um universo paralelo em que eu e outra pessoa, neste ano, mantenhamos um relacionamento cheio de amor recíproco mútuo, será que essa pessoa seria capaz de investir mais de R$ 10 em um presente para mim?

É nesse ponto que eu fico feliz por estar solteiro (e não precisar gastar dinheiro com outra pessoa só porque mantemos um namoro).

ClaMAN

P.S.: Só de zoeira, acho que vou aproveitar as “promoções” (e a notícia que o PIB cresceu) e me dar um livro (ou outra coisa) de presente.

P.S.2: Sim, teremos especial de Dia dos Namorados no Utilis.

Dia de encontros (românticos)

Dia de romance para quem tem tempo para isso.

Eu queria fazer algo mais especial para vocês…

Mas não tenho namorada.

Então fiquem com uma imagem de Taiga x Ryuuji e uma musiquinha.

Espero que ainda não tenha postado essa imagem aqui.
Espero que ainda não tenha postado essa imagem aqui.

(não conseguiu ouvir a música? tente aqui: https://soundcloud.com/cslclaman/a-new-meeting-everyday)

Feliz Dia dos Namorados (atrasado).

ClaMAN.

P.S.: CCUCSA 12 sai ainda esse mês ano. Só não hoje.

O que NÃO fazer em um dia dos namorados (1)

Se você não quer nem pensar em Valentine’s Day por não estar em um relacionamento sério…

Já aviso que essa é a parte 1 porque no dia 12 de junho sai outro (eu espero).

Então, chegamos em 2016. Você não mora no Japão e, mesmo se morasse, nenhuma garota (ou garoto) te daria chocolate hoje. Você também não mora nos Estados Unidos, e sabe também que, mesmo que morasse, cartões e passeios estariam em uma realidade bem mais distante do que a distância entre a Terra e Plutão.

forever_alone_face_para_sempre_sozinhotumblr_li2vgtXJGb1qgx0oqo1_500

Pois bem, você mora (ou suponhamos que você more) no Brasil. O país onde tudo está caro e onde comemoramos o dia dos namorados em junho. Mas hoje é o Valentine’s Day, e de alguma maneira talvez isso afete sua vida. Ou a dos casais que você porventura vá ver na rua.

Hoje é o dia dos namorados gringo, meu bem... Onde você vai me levar? (texto não relacionado à cena do anime original)
Ei, você sabia? Hoje é o dia dos namorados gringo, meu bem… Onde você vai me levar? (texto não relacionado à cena do anime original)

Então, supondo que você seja uma pessoa forever alone, more no Brasil e tenha um espírito bem Lainesco zueiro (ou queira apenas ver o circo pegar fogo)… Pode tentar isso com algum casal.

ClaMAN

P.S.: Trollagem? Desconheço o termo.

P.S.2: Se eu faria algo assim? Nah, estarei ocupado em encontros com minha waifu (leia-se: “namorada”):

Br8uTTJCcAAy5FL

(P.S.2.1: Eu sei, a Senjougahara é demais… Mas a Taiga é a primeira e única. Não me julguem mal pelos meus atos.)

(P.S.2.1.1: Essa foi uma foto de exemplo. Não cheguei a esse nível.)

(P.S.2.1.1.1: Ainda não.)

EDIÇÃO ANTES DA PUBLICAÇÃO:

Decidi pesquisar um pouco mais. Pronto. Taiga S2.
Decidi pesquisar um pouco mais. Pronto. Taiga S2. Porque não seria um Valentine’s Day UtiInuti se não aparecesse ela.

(12E) Me(us rece)ios – Capítulo 4

Aumenta-se a proximidade, mas isso simboliza que o amor aumentou também? Veremos…

Me(us rece)ios

(Só para constar: o logotipo passou por uma pequena mudança)Segunda estação:
Diante de tanta provocação, todo ciúme ganha razão.


(Ler o capítulo anterior…)

Capítulo IV : Junho – Investidas Sugestivas

banned_download_proviVamos começar o capítulo de hoje falando um pouco sobre o tema “proximidade”. Por exemplo, posso falar que a proximidade entre a casa de Alana e a casa de Fernando é representada pela distância de seiscentos metros. Enquanto isso, a proximidade entre a moradia de Alana e a de Alice é de dezenove quilômetros se seguirmos os caminhos dos ônibus. Então, sabendo disso, calcule a distância entre a casa de Fernando e Alice. (Brincadeira Se você for de humanas, não sinta-se ofendido.)

Esqueça o parágrafo acima – o tipo de proximidade que vou comentar é a sentimental. Por exemplo, com certeza você tem mais intimidade com algum amigo que você conheça desde os quatro anos de idade do que com um professor de universidade, logo você é muito mais próximo desse amigo (a não ser que seu amigo seja esse professor, aí dá na mesma).

E entre namorados, é comum que a proximidade aumente com o passar do tempo, enquanto aquele “fogo de paixão” que faz o casal viver unido (no sentido de “agarrado”) a todo tempo diminua, de maneira inversamente proporcional (povo de humanas, não fiquem com raiva de mim).

Continue Lendo “(12E) Me(us rece)ios – Capítulo 4”

Não seria um dia dos namorados se não tivesse…

Para comemorar o dia dos namorados, preparem-se para um projeto que envolve apenas histórias de romance.

Taiga x Ryuuji!

Taiga x Ryuuji E claro, poderia falar do que eu sempre falo desde que eu abri esse blog: capitalismo, a perda do sentido do ato de namorar, chocolates, etc.

Mas, esse ano, eu resolvi fazer algo diferente. Algo decente e grande. Algo que, ao invés de questionar, possa levar o amor aos leitores.

Trata-se do que eu anunciei há 15 dias: o Projeto Doze Estações!

(Só para constar: o logotipo passou por uma pequena mudança)
(Só para constar: o logotipo passou por uma pequena mudança)

E o que é (ou será) esse projeto? Continue Lendo “Não seria um dia dos namorados se não tivesse…”